Quer ter a oportunidade de transformar o futuro da alimentação?

O GFI Brasil está com uma vaga aberta para profissionais interessados em prestar suporte operacional e analítico para a equipe de Ciência e Tecnologia. Inscreva-se até 8 de junho.

Se você quer ter a chance de atuar em uma organização global que pensa estratégias para criar um sistema de produção de alimentos mais seguro, justo e sustentável, chegou a sua hora! O GFI Brasil recebe até o próximo dia 8 de junho (23h59min) candidaturas para a vaga de Analista de Ciência e Tecnologia. 

Nesta função, você dará suporte técnico, operacional e analítico a projetos, produzirá relatórios e executará tarefas em geral para a equipe de Ciências e Tecnologia. Irá colaborar na elaboração de  documentos e projetos na área de carne cultivada, mas também nas demais áreas tecnológicas relacionadas a proteínas alternativas (proteínas vegetais ou obtidas por fermentação), de acordo com as demandas atribuídas pela equipe. Além disso, participará de projetos que fomentem o financiamento, público e privado, à pesquisa científica sobre proteínas alternativas  no Brasil. 

O(a) Analista de Ciência a Tecnologia deve ter:

  • Um mínimo de 03 (três) anos de experiência profissional ou mestrado ou doutorado nas áreas de Biologia, Biotecnologia, Engenharia Química, Engenharia de Bioprocessos, Veterinária ou áreas correlatas.
  • Um diploma de bacharel em Biologia, Biotecnologia, Engenharia Química, Engenharia de Bioprocessos ou áreas correlatas.
  • Desejável conhecimento de sistemas de cultivo de células em biorreatores.
  • Experiência desejável em bioprocessos que envolvam o escalonamento do cultivo celular.  
  • Inglês fluente ou avançado (leitura, compreensão, escrita e conversação).
  • Boa capacidade de comunicação escrita e verbal.
  • Organização e eficiência, atenção a detalhes.
  • Estar confortável em trabalhar remotamente e em uma organização em rápido crescimento e evolução.
  • Conhecimento do Google Drive e Google Documentos ou Pacote Office (Microsoft Word, PowerPoint e Excel). 
  • Boa capacidade/ Habilidade de preparar apresentações utilizando recursos do google slides.
  • Interesse e suporte na filosofia e missão do GFI: saúde pública, meio ambiente, proteção animal e combate à fome global. Habilidade de defender profissionalmente as posições do GFI.
  • Perfil amigável, positivo e que saiba lidar com diferentes personalidades, que goste de trabalhar em equipe e compreenda a importância de um trabalho colaborativo, cooperativo. 

Buscamos as melhores pessoas e não queremos preconceitos nos impedindo. Nós encorajamos candidatos e candidatas de todas as cores, orientações, idades, gêneros, origens e habilidades a se inscreverem. Valorizamos um local de trabalho diverso e inclusivo, e garantimos a sua proteção contra qualquer tipo de discriminação ou assédio durante o processo de inscrição e depois que se juntar à equipe.

Você estará em um excelente ambiente de trabalho com gestão e equipe respeitosos e colaborativos. Terá oportunidade de crescimento profissional, liderança e RH focados em criar o melhor lugar possível para se trabalhar, promovendo e respeitando a diversidade, engajando a cultura, desenvolvendo ferramentas para apoiar a saúde mental e cuidar das necessidades individuais de cada membro do time.

Pesquisas indicam que os homens tendem a se candidatar a empregos quando atendem a apenas 60% dos critérios, enquanto as mulheres e outros grupos só se candidatam se forem 100% compatíveis. Se você é apaixonado(a) pela missão do GFI e considera que tem o que é preciso para ter sucesso nesta função, mesmo que não se adeque totalmente ao perfil, inscreva-se. Analisaremos todos os perfis com muita atenção e carinho.

Para saber outros detalhes da vaga, acesse o edital. Para se inscrever, preencha as suas informações neste formulário. Boa sorte!

Leia também

GFI Brasil na COP27: confira a programação do Pavilhão dos Sistemas Alimentares

GFI Brasil na COP27: confira a programação do Pavilhão dos Sistemas Alimentares

InovAmazônia, projeto de incentivo à pesquisa do GFI Brasil, recebe propostas até 12/12/22

InovAmazônia, projeto de incentivo à pesquisa do GFI Brasil, recebe propostas até 12/12/22